08 junho 2016

Save your Skin

 Este post vem um bocadinho atrasado (estava em stand-by desde há um mês atrás, só um bocadinho atrasado). No entanto, a informação que hoje vos trago é mega importante e deve ser partilhada em qualquer altura do ano. Hoje falamos de assuntos sério e tenho um pedido muito improtante a fazer a todos vocês que estão a perder uns minutos a ler esta publicação: cuidem da vossa pele!

 Desde pequena que tenho imensos sinais cutâneos espalhados um pouco por todo o corpo (até me safei na cara, o mais estranho é mesmo no canto interno do olho esquerdo) mas nunca olhei para eles como um bicho de sete cabeças. Olhava para o corpo da minha Mãe e também ela estava carregada de sinais desde castanhos a vermelho. Achei que seria algo genético, com o meu tipo de sangue ou porque nasci muito branquinha. Por isso, as visitas ao Dermatologista são mais frequentes a fim de evitar males maiores e colocar a minha saúde em risco. Já retirei cerca de dez sinais a laser porque estavam em sítios que me incomodavam e poderia magoar-me. Não doeu, apenas me irritou o facto de perder um sinal castanho para ganhar um mancha branca. Depois esse trauma passou-me e ando com vontade de tirar mais uns quantos.

 No passado mês de Maio, mais propriamente no dia 11/05, celebrou-se o Dia Europeu do Melanoma e fiquei a saber alguns factos preocupantes e para os quais todos devemos estar alertados. 
 Todos os anos são diagnosticados milhares de novos casos de melanoma um pouco por todo o Mundo. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, são registados 200.000 novos casos. Se formos responsáveis e agirmos de imediato, uma vez que é o único cancro que é visível a olho nu, temos 90% de hipótese de ficar curados. 
 É assustador ficar a saber que 1 em cada 2 pessoas nunca consultou um dermatologista para avaliar os seus sinais e saber se está em risco ou não. Em risco todos estamos, cabe-nos a nós decidir se assumimos ou não um papel activo neste movimento em defesa e protecção da nossa pele, o maior orgão do nosso corpo.

 Desde à 3 anos para cá tenho investido mais na protecção da minha pele e já não cometo os erros que cometia quando era mais nova (e mais parva também!): ficar estendida ao sol a receber todos aqueles raios nocivos com a protecção solar totalmente desadequada ao meu tom de pele. Ainda me faz confusão ver pessoas todas oleosas com o famoso óleo johnson ou pessoas com o mesmo tom de pele que eu mas com escaldões que dói só de olhar. Estamos numa era em que temos informação privilegiada, não têm desculpa para ter atitudes tão irresponsáveis.

 Este ano, a marca La Roche-Posay lançou um movimento chamado "Save your Skin" ao qual se associaram dermatologistas e farmacêuticos. Esta marca não se limita apenas à foto-protecção, também tem um papel activo na prevenção do melanoma. 

 Vamos observar os nossos sinais, são apenas alguns minutos perdidos que valem ouro. Vou apresentar-vos o método ABCDE, reconhecido e utilizado por Dermatologistas. Mas afinal o que é isto? Que método é este?
 A La Roche-Posay explicou de uma forma muito simples os sinais aos quais temos que dar atenção com a ajuda do melhor amigo do Homem.




Assimetria: não é redondo nem oval, tem contorno e cores que não estão distribuídas igualmente.


Bordo : Contorno irregular ou denteado.


Cor: Várias cores (castanho, vemrelho, branco, etc)


Diâmetro : Diâmetro superior a 6mm.


Evolução: mudanças de tamanho, forma, espessura ou cor.

 Reforço mais uma vez a ideia que é super importante utilizar um bom creme de protecção solar ao longo de todo o ano. Aplique nas zonas que vai estar mais expostas durante o dia: rosto, braços, pernas, etc.

 Existem pormenores que devem ter tidos em conta e nunca é demais lembrar, ainda para mais agora que a vontade de procurar uma praia ou a piscina aumenta:

 - Evite a exposição solar entre as 12h e as 16h
 - Na praia utilize sempre chapéu e um t-shirt.
 - Não esquecer o uso de óculos de sol, os nossos olhos agradecem.
 - Beba muita água ao longo do dia.
 - Coloque protector solar adequado ao seu tom de pele, pelo que aconselho sempre o factor de protecção máximo.
 - Coloque protector antes da exposição solar e reforce sempre que seja necessário ou depois de cada banho.
 - A pele das crianças é mais sensível e fina que a nossa, redobre os cuidados acima referidos.
 - Visite um Dermatologista uma vez por ano.


 Salve a sua pele e proteja-se das agressões solares. Sol em excesso não traz benefício algum, muito pelo contrário!

 Passe esta mensagem pela sua família e amigos, o azar não bate só na porta ao lado.





SHARE:

1 comentário

  1. Antigamente ficava horas ao sol e pouco me importava com isso! Agora nem pensar! Protejo muito a minha pele e evito muito a exposição solar! =) A pele agradece!

    ResponderEliminar

Blogger templates by pipdig