12 agosto 2015

The size matter?

Então e vamos lá a saber, o tamanho importa? Calma, não comecem a esfregar as mãos de contentamento porque a inspiração ainda não escasseou ao ponto de me virar para debates de cariz sexual. Ainda não chegámos lá.
 Lancei uma pergunta na página de facebook do Anna: que tamanho de malas preferem? Grandes ou pequenas? As meninas quase que respondiam em uníssono "GRANDES!". Pois é, parece que afinal o tamanho importa. Para a grande maioria das Mulheres as malas têm que ser grandes, principalmente as mamãs que têm que carregar este mundo e o outro. A juntar à tralha feminina que ocupa por si só 90% do espaço disponível, não podemos esquecer de guardar 5% para 20 chuchas dos pequenos, tupperware com bolachas Maria e biberão com água e ainda 5% para a tralha do marido/namorado.

 -  "Querida, podes guardar a minha carteira, as chaves do carro e o molho de chaves que pesa 200 kg?"
 -  "Claro querido, a Escrava Isaura aka burro de carga faz esse favorzinho. A minha lombalgia tem andado sossegada, vamos acordar a fera para dar mais emoção à minha vida!"

 Perguntas estúpidas que não devem ser feitas a Mulheres que carregam 30kg aos ombros ou (PIOR!) no braço:

 - "Podes ver se a minha carteira está aí?"
 - "Não, ganhou asas e voou! Ah espera desculpa, que exagero da minha parte. Afinal perdeu-se no buraco que a minha mala tem. Está na altura de me comprares outra."

 - "Tens uma caixa/bolsa para guardar os meus óculos na tua mala?"
 - "Para além de ser burro de carga ainda tenho que trazer uma bolsa para o caso de me pedires para guardar os óculos? Espera por essa!"

 - "Para que queres tu tantas malas se usas sempre a mesma?"
 - "Não voltes a perguntar isso." (Coloquem o vosso melhor ar de mulher enraivecida. Ele não vai ter coragem de perguntar de novo e vocês não têm que pensar numa resposta minimamente plausível.)


 Basicamente é isto. As malas das senhoras são poços sem fundo, com espaço infinito e de onde sai tudo e mais alguma coisa. Muitas vezes pergunto para mim mesma qual a razão para a minha mala parecer o ecoponto do papel. Perguntas sem respostas. Explicações que não conseguimos dar.

 Então e não é que me consegui domesticar e já só uso malas pequenas? É verdade, fala a rapariga que só usava malas que faziam concorrência a sacos de fim-de-semana.
 Levo só o essencial, uma carteira mais pequena e nada de atrevimentos a pedir para guardar o que quer que seja. Bem racionalizado cabe exactamente o mesmo que numa mala de tamanho maior. E sabem qual é a melhor parte? Onde se arruma uma mala grande arrumam-se três pequenas. That´s the way girls!


SHARE:

4 comentários

  1. Por acaso prefiro as malas mais pequenas!
    A rosa é amorosa! ♥♥♥
    Cris

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bom, não é normal encontrar alguém que goste de malas pequenas. ;)

      Ana

      Eliminar
  2. Para mim depende daquilo que vou fazer e do local para onde vou,ou então depende muito do que me apetece usar no dia. Malas que fazem concorrência as do fim de semana para mim não gosto isto porque sou baixa e assim seria mais a mala que me levava a mim do que eu mala. Gosto de malas pequenas, mas confesso que para o dia a dia tornar-se complicado gerir um espaço tão pequeno para tanta tralha.O bom era ter de vários tamanhos e ter por onde escolher. Bjs
    Patrícia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, depende muito do que estamos a usar. Eu pessoalmente já gosto mais das pequenas, mas é uma questão de gosto! :)
      Para pessoas muito baixas é preciso ter cuidado com o tamanho excessivo da mala para não cair em exagero.

      Beijo,
      Ana

      Eliminar

Blogger templates by pipdig